Uma maravilha chamada vocal tautócrono, quem é que não suspira só de filosofar? Sexo verbal é um dos atos preferidos na hora das preliminares. Você é uma dessas pessoas que não vive sem? Nós entendemos como é

E também é muito então que temos probabilidade que você pretenderá se aprofundar na arte do 69 dos deuses. Portanto acompanhe o resto da material pra descobrir como assolar com o( a ) parceiro( a ) no sexo verbal junto :

Sem essa de Magali
Não expensas zero prestar atenção no que você come de antemão de passar pra leito com a gata ou o boy. Enfim, absolutamente ninguém é obrigado a farejar uns puns no meio do verbal, correto? Rs. Logo dê aquela maneirada nas comidas pesadas e também apimentadas!

Higiene supra de tudo
Este e aquele ficarão faceta face com as partes íntimas de todo um, isto é, vamos entregar uma cuidada a mas pra absolutamente ninguém fazer face feia se topar com uma Amazônia lá embaixo. Raspadinho todo planeta gosta, é preferência feminina e também masculina, portanto bora lá!

Um plus
Experimente géis vitualhas, gelo e também balas mentoladas para permitir o verbal ainda mas prazeroso. É um mercê e também tanto estimular outras sensações durante o 69, seja de indiferente, calor ou vibrações. Sem descrever que para até mas jocoso por ser um vocal duploJá pensou em um orgasmo nas preliminares? Porque é mas do que provável!

Foco!
Não fique se distraindo tentando conversar, é essencial sim prestar atenção no que está fazendo, ainda mas para não concluir machucando o orgão do( a ) parceiro( a ) com, citando caso análogo, uma mordida. Porém os gemidos e também apertões estão mas do que liberados.

As mulheres primeiro
Por questões de conforto, aposte na posição onde a senhora resta por cima por abundantes motivos: é menos inseguro para ela ( porque o varão é mas maciço ), confortável para um e outro e também se livram de momentos constrangedores, citando caso análogo, o gato se empolgar e também inserir seu orgão com tudo na boca da parceira.

Superfícies
Por mas que dê pra fazer um 69 em nenhum gênero de superfície onde seja provável deitar e também se estribar, é melhor ser em um lugar confortável, concorda? Absolutamente ninguém está a término de permanecer com os joelhos martelando no solo, então : o colchão é o match perfeito com o par.

É ok?
Varias pessoas arriscam conceder aquela complementada no sexo vocal junto com um fio terreno. Porém, epa! Será que o parceiro curte? Tente desvendar isso anterior de debutar o ato, seja de uma forma descontraída ou mandando a pergunta curta e também grossa: curte alguma coisa anal? Heheh. Deste modo absolutamente ninguém é sorvedouro desprevenido no meio do 69 e também as duas partes ficam confortáveis até o término!

Cheguei em mansão e também deparei nossa amiga Alicia conversando com Meg. Erradamente eu abrira a porta do elator e também já ouvira risadas, uma do qual não identifiquei na hora, só enquanto abri a porta do apartamento e também vi as duas sentadas no sofá.
Alicia me cumprimentou efusivamente, havia tempos que não nos víamos. Evidente que perguntei o motivo das risadas e também Meg já foi adiantando o matéria.
– Querido, a gente estava cá rindo da última façanha da Alícia. Imagina que ela começou a trespassar com um rosto, o Wanderley e também logo na primeira transa descobriu que este é um apreciador de pés.
– Mas um? Porém isso está virando tendência! Que coisa, de repente começam a despontar, do zero … contou pra ela daquele seu?
– Contei, e também estávamos rindo justamente por perceber que as técnicas dos 2 são bastante parecidas. Conta aí, Alícia! Eu prosseguirei buscar um vinho pra gente!

Ao passo que Meg se afastava, indo em direção à despensa para preferir um vinho, Alícia me contou o que tinha rolado no primeiro encontro dos 2. Primeiro encontro, diga-se de passagem, para transar, porque já tinham saído poucas vezes, conversado… e também portanto resolveram ir pra leito.
– Este me levou pro apartamento dele. Precisa ver que chic! Móveis caros, diversos quadros nas paredes, de artistas conhecidos… bastante lítico. E também este, bastante caricioso, me encheu de beijos, diz que me amava, essas coisas que a gente fala, né? Tomamos vinho, delicioso, e também aí este começou a me pegar pra valer. Eu estava com um vestido supermini, quase mostrando tudo e também achei que este ia fazer como quase todo varão faz… mão nos peitos, mão nas coxas, subindo, chegando na calças … e também aí veio a surpresa.
– Já até imagino!
Nesse meio tempo Meg chegou com o vinho e também as taças e também iniciamos a tomar. Continuamos a ouvir o que ela já tinha exposto pra Meg e também que era revolução pra mim.
– Sabe o que este me solicitou? Pra colocar a perna direita em cima da mesinha de meio. Eu pus, achando que este queria ter um belo lance da calcinhas … porém não, este pegou na minha perna, cá, na panturrilha, tirou meu sapato e também começou a roçar meu pé. Nunca absolutamente ninguém começou uma transa comigo desse jeito. Fiquei pensando como eu deveria agir… e também este basta que beija… falando que meu pé era belíssimo, maravilhoso… não parava de elogiar. Depois me colocou no sofá, levantou as minhas duas pernas e também ficou beijando os 2 pés, e também chupando todo dedo meu … eu não tinha idéia de como isso é gostoso, a Meg me confirmou que ficou com um tesão insano enquanto o rosto com quem ela saiu fez isso. E também a gente para mesmo, viu? Eu nem sei apenas explicar o que acontece… é uma loucura!
Enfim, chupou meus dedos e também só depois é que eu acho que este lembrou que eu tinha xoxota, nádegas, peito… porém eu fiquei pensando uma vez que este inicia pelos pés porque é o jeito que este possui de se excitar. Só é possível que ser isso, porque aí veio com uma fúria me chupar a xoxota, que eu quase gritei de tão bom que foi! E também fez questão de que eu colocasse meus pés no pau dele, antes que mesmo de eu fazer um boquete. Tive de permanecer esfregando os pés no pau dele, que já estava superduro, porém este insistia. Naturalmente que depois fui fazer o boquete, imagina se eu não ia fazer!

E também aí este fez o serviço direitinho… fizemos um 69, depois este deitou no sofá e também eu cavalguei, e também logo depois este me colocou deitada e também ficou em pé, metendo de na frente de e também beijando meu pé ao passo que metia… me fez gozar e também aí colocou o pau entre meus pés e também ficou friccionando até gozar e também lambuzar meus pés…
– No mínimo este limpou seus pés depois…
– Ah, porém é evidente … limpou direitinho e também ainda me levou ao banheiro para lavar os 2 … e também haja carinho para lavar pés…
Não deixava de ser engraçada a história dela. Verdadeiramente, bastante parecida com a situação que Meg tinha vivenciado anteriormente. Será que os podólatras aprendem isso em alguma local de ensino?

O BDSM é extremamente diverso e também é absolutamente irreal saber em unicamente um artigo todas e cada uma das posses de práticas e também fantasias que existem. Não se sinta sozinho no planeta se não localizar a sua fantasia listada cá : há muita gente que compartilha dos mesmos fetiches que você, não importa o quanto você os ache estranhos.
Pet Play é enquanto o submisso se eclusa como um bicho de apreço do dominante. Usualmente o bicho é um gato ou um cachorro e também as brincadeiras incluem o uso de utensílios como pratinhos, coleiras ou brinquedos.
Pony Play é uma forma mas característica de Pet Play onde o submisso assume o papel de um cavalos ou pônei. O dominante é possível que cavalgar no submisso e também vestir celas, rédeas e também chicotes. Número reduzido de grupos realizam corridas de pôneis humanos.
Age Play é enquanto o submisso interpreta uma menino ou um bebê. Na comunidade dos “adult babies” (bebês adultos), é geral que o submisso seja depilado e também forçado a utilizar fraldas, para provocar a sensação de depressão e também insegurança de um bebê de verdade. A premissa das brincadeiras é que a garoto se comportou defeituosamente e também precisa ser punida.
O ídolo por trajes frequentemente acontece com roupagem de látex ou de pele. Além de varias pessoas sentirem prazer simplesmente pelo fato de estarem vestidas dessa maneira, essas rouparia são um dos aspectos mas fortes da subcultura BDSM e também são exigidas como paquete de vestimenta em poucas festas.

Pudor é enquanto o dominante priva o submisso de nenhum gênero de contato erótico ou sexual. É possível que ser evento com o uso de cintos tanto para mulheres quanto para homens, que impedem o contato do genital com nenhum gênero de coisa, ou é possível que ser tão somente exigido do submisso não restrição física impeditiva. A pudícia é possível que resistir várias horas ou muitos meses.
Ordenhar a próstata refere-se à prática de estimular a próstata sem recostar no pênis, para provocar a expulsão de sêmen sem proporcionar um orgasmo. Praticantes de pudor a longo termo usualmente fazem isso para evitar que o sêmen se acumule por bastante tempo no organização, um pouco que número reduzido de médicos relacionam ao cancro de próstata.
Cock and Ball Torture (tortura do pênis e também ordinário ), frequentemente reduzido para CBT, são uma série de práticas para ocasionar dor ou desconforto intenso no pênis. Podem ser usados chicotes, prendedores, géis que ardem…
Urethral Play frequentemente está associado à penetração com sondas uretrais, um pouco que é possível que fomentar uma dor intensa, porém também é possível que proporcionar bastante prazer.
Chuva dourada é o ato de urinar em cima de um submisso. É possível que proporcionar prazer tanto para quem mija quanto para quem é mijado.

Rosto -sitting é enquanto odominador ou dominadora senta no rosto do submisso para obrigá-lo a estimular o genital ou ânus oralmente.
Medical Play é a simulação de uma situação médica onde o submisso assume o papel do paciente e também estaca descoberto aos exames intrusivos do dominante. Frequentemente são usados diversos equipamentos, como sondas ou estimuladores elétricos.

Proeminência feminina é uma subcultura onde os praticantes acreditam que as mulheres são líderes naturais dos homens.
Female-led relationships (relacionamentos com liderança feminina), usualmente abreviados para FLR, refere-se a uma relação onde a senhora comanda em todos e cada um dos aspectos da mansão. Então, o domínio não é tão somente erótico porém se dá também por meio dos aspectos financeiros, citando caso análogo.
Submissão financeira é no momento em que uma população sente prazer em trabalhar para bancar outra financeiramente. Frequentemente os submissos são homens que se sentem humilhados por serem “incapazes” de deleitar a dominadora sexualmente, e também dessarte renegados a uma posição de submissos financeiros.
Não-consensualidade consensual é enquanto um submisso aceita que o dominante ultrapasse os seus limites preestabelecidos. Essencialmente, o submisso consente que o dominante explore a sua lascívia independente de seu conforto e também exaltação iniciais.
Edgeplay são brincadeiras consideradas mas pesadas e também que beiram o transe. Frequentemente essas práticas saem do controle do dominante e também exigem extremo zelo e também conhecimento dos membros. A título de exemplo, brincadeiras com eletricidade, lâminas, lume ou substâncias químicas são formas de edgeplay.

SEJA LIVRE PARA VIVER SUAS FANTASIAS
Gosta da teoria de ser atado, porém não ou sentir dor? Não possui obstáculo. No BDSM não há papéis rígidos e também todo planeta é possível que fazer o que quiser. Você é possível que dominar sem infalivelmente disciplinar; é possível que sentir dor sem ser abaixado ; é possível que até mesmo ser atado, acabrunhado e também sentir dor sem absolutamente nenhum objetivo sexual. Você pratica com quantas pessoas quiser, onde quiser e também do jeito que muito distinguir.
Aliás, o BDSM não possui nenhuma definição exata e também, como subcultura, abrange varias práticas e também fetiches que não se encaixam perfeitamente na sigla. É o caso de podólatras ou amantes de trajes de pele, a título de exemplo.
Também não importa que é o seu sexo, cor, nível social ou credo. Toda gente podem ser o que muito quiserem, variar de papel e também mesclar elementos de quantos fetiches desejarem. As suas preferências são o limite.
Existem, naturalmente, subculturas em BDSM que praticam fetiches que especificam pessoas. Eg, há grupos que exaltam a submissão feminina aos homens, outros sentem-se mas à vontade com a prevalência feminina. Há fetiches por pessoas de diferentes peculiaridades físicas, com certos tipos de roupagem, comportamentos ou maneirismos. Porém nenhuma fantasia predomina sobre todas e cada uma das outras. O BDSM, como um todo, engloba absolutamente tudo o que você conseguir imaginar, basta descobrir pessoas que pensam de modo parecida com a sua.

No BDSM, as pessoas são bastante mas do que somente masoquistas, dominadoras ou submissas. Quem decide o que, como, enquanto, com quem e também com que intensidade o BDSM deve estar presente na sua vida é você mesmo.

FETICHE NÃO É COISA DE GENTE DOIDA
Esqueça essa história de que BDSM é coisa de gente “doente” e também “tarada”, que só pensa em sexo 24 horas por dia e também que sai pelas ruas com roupagem de látex. A maior parte dos praticantes de BDSM são pessoas perfeitamente “normais”, que estudam, trabalham, namoram e também são varias vezes casadas. Diversos médicos, professores, advogados e também empresários muito sucedidos moram uma autêntica vida casal e também praticam o BDSM sem que os amigos ou a família sequer desconfiem. Se você espera achar pessoas “loucas”, babando e também com camisa- de -força, vai quebrar face.

Enorme verdade é que quase todas e cada uma das pessoas usam ao menos pequeno número de elementos BDSM em suas vidas sexuais. Você já deu ou já levou tapas na nádegas ou puxões de cabelo? Invocar de “vadia” ou “cachorro”, vendar e também amarrar os braços na leito, morder, escorchar as costado e também beliscar os mamilos são só poucos exemplos de práticas BDSM que são feitas rotineiramente, exclusivamente com menor intensidade.

A fixação sexual por certos objetos ou partes do corpo também faz secção da libertinagem de muita gente que se considera baunilha. Você considera normal se atrair por bundas ou seios, ou até mesmo por barbas ou trajes coladas? Portanto não há zero o que temer: fetichismo não passa disso, só que com objetos ou partes do corpo menos sexualizadas pela sociedade.

A medida que você for desbravando o planeta dos fetiches e também fantasias, vai ver que bastante da forma como você faz sexo, mesmo do modo mas baunilha provável, ainda conta com a presença de elementos de autoridade, submissão ou fetichismo.